Vasco não atinge quórum em conselho e votação de empréstimo é cancelada
11/06/2019 21:16 Fonte UOL

A reunião do Conselho Deliberativo do , que tinha como intuito votar hoje (11) a aprovação de um empréstimo de R$ 20 milhões, não atingiu seu quórum mínimo e foi cancelada. Uma nova data ainda não foi estipulada.

Para o pleito ser aberto, era necessário que ao menos 151 conselheiros - dos 300 no total - comparecessem, mas apenas 126 estiveram presentes na sede do clube na Lagoa (RJ).

Cumprindo o rito estatutário, o presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro, fez a primeira convocação às 20h e a segunda às 20h30. As principais ausências foram dos grupos políticos Identidade Vasco e Sempre Vasco.

Cerca de 80 conselheiros justificaram o não comparecimento de maneira oficial.

A diretoria havia solicitado este empréstimo para colocar os salários do clube em dia. Para funcionários o atraso é de três meses em 2019, além de 13º e férias de 2017. Já para os jogadores, são dois meses de CLT e mais três meses de direitos de imagem.

Ao longo do dia, conselheiros revelaram que cobrando o comparecimento. Alguns alegaram que o tom era de ameaça. Nenhum soube precisar a origem dos telefonemas e nem quem as efetuou.

Como de praxe, a reunião do Conselho Deliberativo de hoje (11) no Vasco está cercada de tensão. Em pauta, a solicitação por parte da diretoria de aprovação de um empréstimo de R$ 20 milhões para colocar os salários do clube em dia. Como o estatuto prevê um quórum mínimo de 150 conselheiros para votação ser aberta, há a preocupação em relação a presença de conselheiros, o que tem causado algumas movimentações suspeitas ao longo do dia.

Fechar a "casinha" primeiramente. Foi apostando nesta fórmula que o técnico Vanderlei Luxemburgo obteve a primeira vitória do Vasco no Campeonato Brasileiro e já enxerga uma evolução da equipe.

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) lançou edital público para recebimento de propostas de empresas que queiram estampar suas marcas nas camisas de árbitros, na placa de substituição e nos adesivos das cabines do VAR. Os valores para o uniforme variam de R$ 350 mil a R$ 500 mil, enquanto a placa que indica substituição e acréscimo vale R$ 350 mil.

Figura que causou frisson entre os cruzmaltinos ao se fazer presente na vitória do Vasco por 2 a 1 sobre o Internacional - a primeira no Campeonato Brasileiro - o ex-deputado federal Cabo Daciolo (Podemos-RJ) convocou os vascaínos a adotarem a frase que virou sua marca registrada: "glória a Deus!".

Fernando Miguel não atuava pelo Vasco desde 24 de abril por conta de um estiramento na panturrilha esquerda. Bastou seu retorno, na última sexta-feira, para a equipe conquistar a primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Pode parecer coincidência, mas, analisando os números, é eficiência: com o goleiro em campo, o Cruzmaltino rende muito mais.

O "puxão de orelhas" de Vanderlei Luxemburgo no volante Andrey por conta de seu percentual de gordura foi apenas um dos oito casos de jogadores que estavam acima do peso quando o treinador chegou ao Vasco. A revelação foi feita pelo preparador físico Antônio Mello à Rádio Brasil e culminou num cronograma rigoroso do comandante para melhorar a situação física dos atletas.

O Internacional foi a São Januário com o pensamento de vencer o Vasco, entrar no G-4 e consolidar de vez a sua briga pelo título do Brasileirão, mas não foi o que aconteceu. Com uma apresentação abaixo do esperado, o Colorado foi superado pelo rival.

Uma redenção. Desta forma o volante Andrey encarou sua atuação na vitória do Vasco por 2 a 1 sobre o Internacional, quando marcou o primeiro gol do Cruzmaltino em São Januário ontem (7) e foi um dos destaques. O desempenho foi fruto de alguns "puxões de orelha" de Vanderlei Luxemburgo após encarar uma "geladeira" do ex-técnico Alberto Valentim.

Cabo Daciolo marca presença em São Januário e vibra com vitória do Vasco

Alívio na Colina: o Vasco venceu a primeira no Campeonato Brasileiro. Diante do Internacional, neste sábado, o Cruz-Maltino marcou dois no primeiro tempo, resistiu à pressão do Colorado na etapa final - que chegou a descontar - e triunfou por 2 a 1, em São Januário. Satisfeito pelos primeiros três pontos conquistados na competição, Vanderlei Luxemburgo exaltou a dimensão do clube carioca para projetar um futuro positivo.

Glória! A vitória do Vasco por 2 a 1 sobre o Internacional - a primeira no Campeonato Brasileiro - teve como atração um político que tornou-se sensação na última eleição presidencial: o deputado federal Cabo Daciolo (Patriota-RJ), vascaíno declarado.

Alívio. Esta foi a sensação dos jogadores do Vasco após a primeira vitória no Campeonato Brasileiro que tirou momentaneamente a equipe da lanterna da competição. De volta após mais de um mês longe dos gramados em função de uma lesão, o goleiro Fernando Miguel acredita que o resultado positivo sobre o Internacional hoje (7) poderá ser um divisor de águas para o Cruzmaltino.

Empurrado pela torcida em São Januário, o Vasco superou sua limitação técnica e venceu o Internacional por 2 a 1 hoje (7). O resultado - que significou os primeiros três pontos - trouxe alívio e fez com que a equipe dormisse fora da lanterna do Campeonato Brasileiro. O Cruzmaltino, porém, ainda pode ser ultrapassado na tabela por Grêmio, Avaí e CSA, que jogam amanhã (8).

Nico Lopez cruza da esquerda, Ricardo Graça afasta parcialmente e Emerson Santos pega sobra e chuta da entrada da área. Vasco 2 x 1 Internacional.

Vasco 2 X 1 Internacional

Danilo Barcellos cobra falta quase perfeita e ela explode na trave. Na volta, Tiago Reis mergulha de peixinho para fazer o segundo do jogo. Vasco 2 x 0 Internacional.

Vasco 2 X 0 Internacional

Rossi cruza da esquerda, Emerson tira parcialmente, mas ela sobra para Andrey. O camisa 15 pega de primeira na meia-lua e marca à esquerda de Lomba, que fica imóvel. Vasco 1 x 0 Internacional.

Vasco 1 X 0 Internacional

Assim como já aconteceu nas parcerias com Atlético-MG e Corinthians, o Vasco lançou hoje (7) sua conta digital do BMG voltada para torcedores que oferece uma série de vantagens e que pode contribuir para uma arrecadação financeira diretamente para o clube.

Após a derrota para o Botafogo, Vanderlei Luxemburgo, técnico do Vasco, lanterna do campeonato brasileiro, disse que o número de times rebaixados na Série A nacional é demasiado. São quatro times que caem para a segunda divisão após 38 rodadas. De fato, em importantes ligas europeias três são rebaixados, na Alemanha, Inglaterra, Espanha e Itália, por exemplo.

Diferentemente das demais, a oitava rodada do Campeonato Brasileiro já começa nesta sexta-feira (7) com o duelo entre Vasco e Internacional, em São Januário, às 20h30 (de Brasília). O sábado é marcado pelo jogo do líder Palmeiras, que recebe o Athletico, enquanto Fluminense e Flamengo fazem o clássico da rodada no domingo, no Maracanã.

Vasco e Internacional se enfrentam hoje (7), às 20h30, em São Januário, pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo terá a transmissão do Premiere e o Placar UOL acompanhará em tempo real.

Um histórico de resistência e de ligação com as camadas populares. O encontro entre Vasco e Internacional hoje (7), às 20h30, em São Januário, pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro, representa bem mais que um duelo entre dois gigantes do país, pois faz lembrar também a bandeira da igualdade racial que os clubes carregam não só em seus capítulos como nos mascotes negros.

Sem atuar desde o dia 24 de abril, o goleiro Fernando Miguel poderá retornar ao Vasco na partida de amanhã (7), contra o Internacional, às 20h30, em São Januário, em jogo válido pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Aos 44 minutos do segundo do duelo contra o Cruzeiro, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, no Mineirão, o jovem Miguel Silveira substituiu o zagueiro Nino. Naquele momento, o meia que até outro dia integrava o elenco sub-17 do Fluminense, fazia a estreia no profissional para, pouco depois, participar da jogada do gol de empate - que levou o duelo para os pênaltis.

Talles Magno tinha um minuto em campo quando Diego Souza fez o gol do Botafogo aos 13 do segundo tempo. A ducha de água fria, porém, não intimidou o menino, que com personalidade mostrou suas credenciais e, aos 16 anos, se tornou o mais jovem jogador a atuar profissionalmente pelo Vasco.

Após o UOL Esporte apontar uma série de inconsistências na lista de sócios adimplentes divulgada pelo Vasco na última segunda-feira (3), o clube disponibilizou no site "sociogigante.com" um formulário para comunicação de erros dos associados.

Nova sensação do Vasco, o atacante Talles Magno, de apenas 16 anos, estará presente na partida desta sexta-feira (7), contra o Internacional, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro. O jogador havia sido convocado para a seleção brasileira sub-17 que se apresentará na mesma data, mas a pedido do técnico Vanderlei Luxemburgo, o Cruzmaltino solicitou o adiamento da chegada do atleta, que agora estará na Granja Comary (RJ) a partir deste sábado (8).

Com apenas 16 anos, Talles Magno tornou-se o jogador mais jovem a atuar profissionalmente na história do Vasco no domingo passado (2), ao entrar em campo no segundo tempo do clássico contra o Botafogo. O menino revelou que sentiu dor de cabeça na véspera em função de toda a ansiedade que sentia com a oportunidade.

Na lanterna do Campeonato Brasileiro, com salários atrasados e um ambiente político para lá de conturbado. Se reforçar para a sequência da temporada não tem sido uma tarefa das mais simples para o Vasco quando se pensa em alguma contratação "que chegue para resolver". Limitado financeiramente, o clube busca soluções criativas, enquanto se depara com uma série de ofertas de atletas sem grife por parte de empresários.

Durante o discurso de defesa que realizou na última segunda-feira (3) no Conselho Deliberativo - onde conseguiu que uma sindicância não fosse aberta contra ele - o presidente do Vasco, Alexandre Campello, revelou que obteve uma antecipação de receita com a TV Globo em caráter de emergência para pagar salários atrasados, mas que parte dela foi penhorada, o que fez com que o clube conseguisse quitar apenas um mês de CLT com os jogadores, sem debitar os valores referentes à imagem. O Cruzmaltino ainda deve dois meses de carteira de trabalho, além dos direitos de imagem.

O Vasco se manifestou após o UOL Esporte apontar, em reportagem publicada hoje (4), inconsistências na lista de sócios adimplentes divulgada ontem (3) pelo clube. O Cruzmaltino se desculpou com os vascaínos e pediu que os associados colaborem na identificação dos erros.

Igor Araújo é, como quase todo brasileiro, um apaixonado por futebol. Mas o ex-lutador do UFC não se restringiu a acompanhar o Vasco da Gama, seu time do coração, e o esporte número 1 do país. Fora do Brasil há 14 anos, o atleta de 38 anos está encaminhando um outro sonho: o de ser técnico profissional. O meio-médio (77 kg), que mora na Suíça, treina a equipe de crianças do Veyrier Sports, clube cujo time adulto disputa a 2. Liga Interregional do país.

"Com certeza é o maior desafio da minha carreira". Foi assim que André Mazzuco, novo diretor de futebol do Vasco, classificou a oportunidade no Cruzmaltino durante a apresentação, ontem (3). E, realmente, em São Januário o dirigente terá muitos obstáculos pela frente para que possa terminar a temporada de forma positiva.

119 anos. Esta é idade básica que 24 sócios adimplentes no Vasco podem ter. Pelo menos é o que consta na lista divulgada ontem (3) pelo clube com o nome de "transparência", onde tais pessoas aparecem com suas datas de admissões no ano de 1900, mesmo com o Cruzmaltino tendo sido fundado em 1898. Esta e outras aberrações estão presentes no site "Gigante", direcionado para tratar dos associados vascaínos.

*Com Bruno Braz, do UOL, no Rio de Janeiro

Foi por pouco, mas Alexandre Campello conseguiu se safar. Em uma votação apertada hoje (3) na sede náutica da Lagoa por 105 a 97 o Conselho Deliberativo do Vasco decidiu por não abrir uma sindicância contra o presidente do clube que poderia culminar em seu impeachment futuramente.

André Mazzuco, novo diretor de futebol do Vasco, foi apresentado na tarde de hoje (3), em São Januário. O dirigente chega em meio a uma crise institucional - reunião do Conselho Deliberativo pode abrir sindicância contra o presidente Alexandre Campello - e esportiva, uma vez que o time é o lanterna do Campeonato Brasileiro, com apenas três pontos. Ele considerou que, diante do cenário, há a necessidade de se encontrar soluções em um curto período de tempo.

O presidente do Vasco, Alexandre Campello, convocou uma reunião para às 17h de hoje (3) com a diretoria para debater sobre seu ameaçado futuro no comando do clube. Até a possibilidade de renúncia será discutida. O encontro acontecerá três horas antes da assembleia no Conselho Deliberativo que votará sobre uma abertura de sindicância ou não contra ele, e que pode ter como consequência um impeachment de seu mandato.

O grupo "Sempre Vasco", que tem cerca de 60 cadeiras no Conselho Deliberativo do Cruzmaltino, emitiu uma nota na tarde de hoje (3) sobre a reunião do Deliberativo que acontecerá à noite e afirmou que votará a favor da sindicância que vai apurar possíveis irregularidades da gestão do presidente Alexandre Campello. Por outro lado, ressalta que o afastamento não deve ser imediato para que o mandatário possa se defender.

Com o Vasco em crise dentro de campo, o presidente Alexandre Campello está mais uma vez na mira de conselheiros e grupos políticos do clube. Acuado, o dirigente vê, desta vez, crescerem as chances de abertura de sindicância contra ele.

O Palmeiras terminou a sétima rodada do Campeonato Brasileiro na liderança e alcançou uma marca extremamente expressiva. Ao vencer na noite de hoje (02) a Chapecoense pelo placar de 2 a 1, em plena Arena Condá, e chegar aos 16 pontos, a equipe comandada por Luiz Felipe Scolari alcançou o 30º jogo de invencibilidade na Série A e ratificou o domínio na competição.

A vitória do Botafogo no clássico contra o Vasco marcou a abertura dos jogos de domingo pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Contratação mais badalada dos últimos meses em General Severiano, Diego Souza foi quem decidiu no Engenhão. Já no Pacaembu, Pato abriu o placar, mas Thiago Neves, com golaço de falta, definiu o empate por 1 a 1 entre São Paulo e Cruzeiro.

O Vasco anunciou o executivo André Mazzuco como o novo responsável pelo futebol do clube. O profissional será apresentado oficialmente amanhã.

Após a vitória do Botafogo por 1 a 0 sobre o Vasco, o técnico Vanderlei Luxemburgo pregou união para que o time saia da péssima situação na qual se encontra.

Notícias relacionadas
Bruno César não engrena e Vasco vai ao mercado em busca de camisa 10 25/06/2019 04:00 O jogador disputou 22 jogos, fez três gols e tem sido reserva com o técnico Vanderlei Luxemburgo, algo que já vinha acontecendo com alguma constância no período de Alberto Valentim também.(...) Fonte: UOL
Por que Guerrero pode ficar sem folga no Inter após Copa América 25/06/2019 04:00 A seleção peruana está nas quartas de final da Copa América. Se avançar às semifinais, terá mais dois jogos garantidos. É aí que reside a dúvida do Inter.(...) Fonte: UOL
Corinthians rescinde contrato com paraguaio em dia de volta aos treinos 24/06/2019 17:33 Díaz tinha contrato até dezembro, mas foi 'devolvido' ao Real Madrid por não estar nos planos de Fábio Carille. O atacante fez dois jogos em 2019, somando apenas 52 minutos, e deve ser anunciado como reforço do Cerro Porteño (PAR) nos próximos dias. Neste(...) Fonte: UOL
Comentários