Manoel supera críticas no Corinthians e trabalha por fama de zagueiro raiz
11/09/2019 04:00 Fonte UOL

O zagueiro Manoel superou as críticas no início de sua trajetória no e conquistou a confiança dos torcedores. O defensor, que pertence ao e está emprestado até o fim deste ano, venceu as concorrências de ) e Bruno Méndez, zagueiro uruguaio e xodó da torcida, antes de emplacar uma sequência de bons jogos como titular.

Segundo apurou o , Manoel pretende ficar marcado como o "zagueiro raiz" e trabalha para consolidar essa fama no clube paulista. Para isso, o defensor pretende jogar o máximo de partidas possíveis e, inclusive, já tomou injeções para atuar quando não estava 100% fisicamente para ser escalado. Manoel foi a campo em 39 dos 56 jogos do Timão em 2019, sendo 16 em 18 partidas do .

Em campo, o "zagueiro raiz" já arranca aplausos da torcida com desarmes, divididas de bola e interceptações - tanto por baixo, como em jogadas áreas. , por exemplo, Manoel evitou um gol de Ricardo Oliveira na pequena área após antecipação de carrinho. O lance, que ocorreu quando o jogo estava empatado, foi comemorado com um gol pelos torcedores na Arena.

No Corinthians, internamente, os profissionais do clube responsabilizam dois personagens pela evolução de Manoel: o técnico Fábio Carille e o zagueiro Gil, companheiro de zaga e ídolo da torcida corintiana.

Manoel alegou em sua apresentação no Corinthians que o fato de trabalhar com Carille pesou em sua transferência. O treinador é obcecado em treinar o sistema defensivo. Ele sempre realiza atividades especificas em campo, principalmente, treinos de posicionamento com e sem a bola.

Além disso, Fábio Carille utiliza vídeos com erros em partidas anteriores para corrigir falhas e ajustar o setor. Não é por acaso que o Corinthians possui a melhor defesa do Campeonato Brasileiro, com apenas 11 gols sofridos.

O Corinthians vê muitos obstáculos para contratar Manoel em definitivo. O zagueiro foi emprestado pelo Cruzeiro até o fim desta temporada sem valor de compra fixado e, como está em boa fase, a diretoria do clube paulista acredita que o time mineiro deve pedir um valor inviável. Além disso, os dirigentes corintianos alegam internamente que é muito difícil negociar com dois clubes, já que o defensor tem os seus direitos divididos entre Cruzeiro e Athletico-PR.

Notícias relacionadas
Palmeiras abre returno contra rival goleado na estreia; veja o que mudou 22/09/2019 04:00 Naquela partida, em 28 de abril, o Palmeiras ainda era comandado por Luiz Felipe Scolari e estava se recuperando da eliminação no Campeonato Paulista para o , ocorrida no início do mês. A goleada sobre o Fortaleza marcou o começo de uma arrancada espetacu(...) Fonte: UOL
Contra Goiás, Flu tem 1ª chance de recuperar pontos perdidos em casa 22/09/2019 04:00 A derrota para o Esmeraldino veio em um jogo repleto de . O Flu até hoje contesta o resultado, já que, além do erro que invalidou o gol de Everaldo -- com impedimento de Luciano, que não participou do lance, assinalado. Já o Goiás marcou com Rafael Vaz em(...) Fonte: UOL
Rodrigo Santana convive com pressão pela primeira após assumir Atlético-MG 22/09/2019 04:00 A vida do técnico na Cidade do Galo foi transformada após a no 2019, que tirou o time da quarta posição e o deixou cada vez mais longe de uma vaga entre os primeiros colocados.(...) Fonte: UOL
Comentários