Goiás deseja tirar Nenê do São Paulo, mas questão financeira atrapalha
12/06/2019 17:57 Fonte UOL

Fora dos planos de Cuca para o restante da temporada, Nenê despertou o interesse do . Na época em que o enfrentou o time goiano, no dia 1º de maio, os clubes chegaram até a conversar sobre a possibilidade de fechar a transferência. Porém, a transação parou na questão financeira.

"Nós temos interesse no Nenê, mas não conseguimos suportar a questão financeira. Chegamos a conversar com o clube. Na época, entramos em contato com o São Paulo e com o agente dele", afirmou o vice-presidente Mauro Machado, ao .

Segundo apurou a reportagem, o Tricolor paulista se mostrou disposto a ajudar na composição salarial até o fim desta temporada, quando encerra o vínculo do meia com o time do Morumbi. Porém, o jogador gostaria de assinar com o Goiás até dezembro de 2020 e não havia como o clube alviverde arcar sozinho com os vencimentos do atleta no próximo ano.

O São Paulo ainda estuda qual será o futuro de Nenê. A tendência é de o jogador, de 37 anos, ser negociado durante a pausa no para a disputa da .

O São Paulo quer afastar a crise no Campeonato Brasileiro. Sem vencer há quatro rodadas na competição, o Tricolor paulista enfrenta o Atlético-MG amanhã, a partir das 20h, na Arena Independência, em Minas Gerais. A equipe do técnico Cuca começa a jornada na oitava posição, com 13 pontos.

Com problemas no ataque, o São Paulo busca um centroavante para completar o seu elenco. O clube tenta contratar o argentino Juan Dinenno, que tem seus direitos vinculados ao Racing, da Argentina. No entanto, segundo apurou o UOL Esporte, o Tricolor paulista não conseguiu avançar da maneira que esperava nas negociações e estuda alternativas no mercado da bola.

Terceiro colocado na tabela do Brasileirão, o Atlético-MG faz amanhã seu último jogo antes da parada para a Copa América. Às 20h, no estádio Independência, o Galo recebe o pressionado São Paulo do técnico Cuca. Para o jogo do Horto, Rodrigo Santana pode mudar sua referência dentro da área e tem uma escolha a fazer: Alerrandro ou Ricardo Oliveira.

A nona rodada do Campeonato Brasileiro, a última antes da paralisação da Copa América, tem início na noite de hoje com cinco jogos, entre eles o clássico paulista entre Santos e Corinthians, na Vila Belmiro. Amanhã, outras cinco partidas fecham a "primeira parte" da competição, que volta a ser disputada apenas em julho.

O São Paulo fez o seu último treino no CT da Barra Funda antes da pausa no Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa América. De olho na partida de quinta-feira, contra o Atlético-MG, o técnico Cuca comandou o coletivo de hoje, que não contou com a presença da imprensa.

Apesar de pressionar Leco por mudanças no departamento de futebol do São Paulo, a base aliada do presidente poupa o técnico Cuca.

Às vésperas da pausa no Brasileirão para a disputa do Copa América, o São Paulo ainda não oficializou como será a sua programação de trabalho. O departamento de futebol estuda quantos dias de folga serão concedidos aos jogadores. Antes a tendência era de que o time teria dez dias de descanso. Com os últimos resultados, a folga pode ser diminuída. O time vai trabalhar no CT de Cotia, enquanto seleções que disputam o torneio continental vão utilizar as instalações do CT da Barra Funda.

Hernanes voltou ao São Paulo, em dezembro, com a expectativa de reeditar os bons tempos vividos em outras passagens pelo clube. No entanto, segundo apurou o UOL Esporte, o jogador está longe de ver seu atual momento no Tricolor paulista com bons olhos. Em conversas com pessoas próximas, fica clara a preocupação do meio campista, que por causa de dores e lesões não pôde contribuir da maneira que esperava para a equipe melhorar de rendimento.

O São Paulo pode ter um importante reforço na partida desta quinta-feira, contra o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro. Hernanes treinou normalmente com os demais companheiros hoje, na reapresentação da equipe, no CT da Barra Funda. O Profeta, que havia sido liberado para viajar até a Itália na última semana para resolver problemas pessoais, participou normalmente da atividade e deve ficar à disposição do técnico Cuca.

O técnico do São Paulo, Cuca, vai ter mais um desfalque na partida desta quinta-feira, contra o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro. Substituído no empate por 0 a 0 com o Avaí, no último fim de semana, Everton foi submetido ao exame médico que apontou a lesão muscular de grau II no adutor da coxa direita. Desta maneira, o meia atacante não terá condições de atuar nesta rodada do nacional.

O São Paulo finalizou os testes em um dos telões instalados no Morumbi. Os equipamentos serão usados pela primeira vez na Copa América deste ano e, depois, ficarão à disposição do Tricolor paulista, que assinou contrato de implantação e manutenção com a empresa Imply. A outra peça deve ser testada até a quarta-feira.

Parece óbvio que o São Paulo chega nesta última semana antes da pausa para a Copa América insatisfeito com o desempenho e com os números atuais. A má fase dentro de campo, a irritação da torcida, os inúmeros desfalques, a eliminação na Copa do Brasil e a falha na busca pela meta de pontos para esta fase do Brasileirão são elementos que fazem o time partir "estilhaçado" para enfrentar o Atlético-MG, último compromisso antes do desejado respiro.

Everton chegou ao São Paulo em abril do ano passado cercado de elogios. A contratação era vista como uma mudança de patamar do Tricolor no mercado e nas pretensões de um time que mostrava crescimento sob o comando de Diego Aguirre em 2018. O meia-atacante começou a trajetória pelo clube com números excelentes, empolgou a torcida, mas hoje vive questionado pelos números ruins e pelas frequentes lesões.

O São Paulo vai completar, na próxima quarta-feira, um mês sem vencer. Essa má fase pode ser explicada pelo baixo rendimento do setor ofensivo, com só um gol nesse jejum de seis partidas. Mas o momento poderia ser pior se a defesa também estivesse em baixa. Apesar dos pesares, o Tricolor consegue ter a segunda melhor marca de gols sofridos do Campeonato Brasileiro, atrás apenas do líder Palmeiras, e mostra uma solidez que ajuda a evitar desastres ainda maiores para a equipe de Cuca.

Cuca jura que não quer encontrar desculpas para o mau momento vivido pelo São Paulo na temporada - são seis partidas sem vencer. Mas o técnico tem na ponta da língua um fator que pode explicar a queda de rendimento do Tricolor: a série de lesões que acomete o elenco. Hoje, no empate por 0 a 0 com o Avaí, foi a vez de Everton sair com um problema físico.

Pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras venceu o Athletico-PR por 1 a 0 na tarde de hoje, no Allianz Parque. Com o resultado, o time alviverde abriu quatro pontos de vantagem na liderança, número que pode aumentar depois que o STJD julgar o pedido de impugnação da partida com o Botafogo, o que ocorrerá no dia 18 de junho.

Os jogos do sábado no Campeonato Brasileiro foram econômicos em gols. No Mineirão, o Cruzeiro ficou no 0 a 0 com o Corinthians - mesmo placar de Ceará x Bahia e Avaí x São Paulo.

O São Paulo chegou a seis partidas sem vencer em 2019 e quatro rodadas no Campeonato Brasileiro. O último tropeço aconteceu na noite de hoje, em Florianópolis, contra o Avaí. Um 0 a 0 insosso fez a equipe mais uma vez ser vaiada, mesmo jogando fora de casa, e o goleiro Tiago Volpi cobrar os companheiros por uma reação.

Resultado mantêm Avaí entre os últimos colocados e a equipe paulista em posição intermediária na tabela.

Não foi desta vez que o São Paulo voltou a vencer na temporada. Pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, o Tricolor visitou o Avaí na Ressacada, em Florianópolis, e apenas empatou por 0 a 0 na noite de hoje. Já são seis jogos sem que o time do Morumbi consiga um triunfo. O último foi em 12 de maio, contra o Fortaleza, na quarta rodada.

Depois de ser desfalque do São Paulo contra o Cruzeiro, no domingo passado, Everton está de volta e será titular hoje, às 21h, contra o Avaí. A partida é válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro e tem o estádio da Ressacada, em Florianópolis, como palco.

O São Paulo não vive bom momento, são cinco jogos consecutivos sem uma vitória. As eliminações na pré-Libertadores contra o Talleres e na Copa do Brasil para o Bahia pesam na hora de o torcedor cobrar resultados melhores na temporada.

O São Paulo encara o Avaí na noite de hoje, na Ressacada, pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro, às 21h (de Brasília). O Tricolor paulista tenta recuperar a boa fase das primeiras rodadas da competição, após cinco partidas sem nenhuma vitória, e a equipe de Santa Carina busca sair da zona de rebaixamento.

Avaí e São Paulo se enfrentam hoje, às 21h (de Brasília), na Ressacada, em Florianópolis (SC), pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. Na televisão a partida terá transmissão exclusiva do canal Premiere.

Hernanes está fora da partida entre Avaí e São Paulo, às 21h deste sábado, na Ressacada, pela oitava rodada do Brasileirão. Ele não embarcou com a delegação para Florianópolis na noite desta sexta-feira.

O São Paulo anunciou, nesta tarde, que sua equipe feminina fechou seu primeiro contrato de patrocínio exclusivo, com a empresa Giuliana Flores. A floricultura online estampará sua logo marca na barra traseira até o fim de 2019.

O exame de contraprova do atacante do São Paulo Gonzalo Carneiro confirmou a presença da substância benzoilecgonina, principal metabólito da cocaína. A informação foi publicada no Globoesporte.com e confirmada pelo UOL Esporte.

O fisioterapeuta da seleção equatoriana, Tony Ocampo, pediu desculpas ao São Paulo após criticar a forma que o clube teria tratado a lesão do zagueiro Robert Arboleda. O defensor equatoriano sofreu uma lesão na parte anterior da coxa esquerda durante a vitória por 2 a 1, contra o Goiás, pelo Campeonato Brasileiro.

O São Paulo tenta retomar o bom momento no Campeonato Brasileiro. Após largar bem na competição, o Tricolor vem de três jogos sem vitória. A equipe do técnico Cuca enfrenta o Avaí amanhã, a partir das 21h, na Ressacada. No momento, a equipe ocupa a oitava posição, com 12 pontos.

O encerramento das oitavas de final confirmou uma tendência vista nas últimas edições da Copa do Brasil, com larga vantagem a favor das equipes que disputam a Copa Libertadores no mesmo ano e estreiam apenas nas oitavas de final no torneio nacional. Desta vez, dos oito clubes nesta situação, apenas o São Paulo foi eliminado pelo Bahia e não avançou para as quartas.

Antes mesmo de o Brasileirão começar, Cuca traçou uma meta de pontos para as nove rodadas que antecedem a Copa América: queria que o São Paulo chegasse a esta etapa da competição com pelo menos 18 pontos, uma média de quatro a cada duas partidas. Ainda é possível alcançar este número, mas para isso será preciso vencer dois jogos seguidos fora de casa.

Diferentemente das demais, a oitava rodada do Campeonato Brasileiro já começa nesta sexta-feira (7) com o duelo entre Vasco e Internacional, em São Januário, às 20h30 (de Brasília). O sábado é marcado pelo jogo do líder Palmeiras, que recebe o Athletico, enquanto Fluminense e Flamengo fazem o clássico da rodada no domingo, no Maracanã.

O conselheiro do São Paulo Milton Neves protocolou representação no Conselho Deliberativo do clube para que sejam averiguadas supostas ações irregulares envolvendo o ex-presidente José Augusto de Bastos Neto. De acordo com a acusação, o ex-mandatário teria se beneficiado ao contar com o serviço de uma funcionária do tricolor como cuidadora, na utilização de carros e na emissão de passagens para os Estados Unidos. "São falsas as acusações. A funcionária às vezes nos fins de semana fica comigo. Ninguém tem nada a ver com isso. O São Paulo tem um carro que empresta para alguns conselheiros. Minha filha veio dos EUA pagando a sua passagem", afirmou Bastos Neto.

O São Paulo ganhou um alívio em relação à liberação do atacante Antony para a seleção brasileira olímpica. O Tricolor vê seus rivais travarem uma batalha contra a CBF para poderem contar com seus atletas em partidas decisivas. Sendo assim, a decisão de deixar o jovem de 19 anos servir o time canarinho passou a ter menos peso e sofrer menos críticas.

O último título oficial e profissional do São Paulo foi conquistado em 2012, quando venceu a Copa Sul-Americana, em decisão contra o Tigre, da Argentina. De lá para cá, foram formados elenco de bons jogadores que não tiveram o gosto de gritar "é campeão" com uma camisa gigante como a do Tricolor. Fato é que durante esse período de jejum, vários atletas acabaram deixando o Morumbi para levantar a taça por outros clubes.

Em seu período de reformulação do elenco, o São Paulo também vai discutir qual será o futuro dos jogadores que estão emprestados para outros clubes. Entre os que estavam longe do Morumbi e voltam agora está Júnior Tavares. Durante a pausa do Campeonato Brasileiro para a disputa da Copa América, a ideia do departamento de futebol é sentar com a comissão técnica para ver se o lateral esquerdo tem espaço no elenco.

O São Paulo ainda prefere manter a cautela em relação à contratação de Adriano, do Besiktas, da Turquia. Apesar de o jogador, de 34 anos, ter demonstrado interesse em defender o Tricolor paulista e de o técnico Cuca já ter dado o aval para fechar a transação, o clube ainda esbarra na questão financeira. O departamento de futebol prefere não acelerar a negociação e trabalhar com calma.

O empresário André Cury buscou se reaproximar do presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco. Na última semana, os dois se reuniram no clube Pinheiros para aparar as arestas depois da chegada de Alexandre Pato ao Tricolor paulista. O encontro foi promovido por um amigo em comum, após solicitação do agente, que também é representante do Barcelona no Brasil. A relação entre os dois ficou estremecida por causa da contratação do badalado atacante.

A torcida do São Paulo pode ter ficado insatisfeita com a convocação de Antony para defender a seleção olímpica, mas o Torneio de Toulon, na França, para ajudar o clube a reforçar o caixa e o elenco. No total, o Tricolor paulista tem três atletas em ação na competição internacional: o goleiro Lucas Perri, o meia Lucas Fernandes e o atacante Antony. O UOL Esporte apurou que do trio, apenas o jogador de frente é considerado inegociável.

O torcedor do São Paulo deverá ver Hernanes em ação outra vez neste sábado. Hospitalizado na Itália desde o início desta semana, o filho do jogador apresentou melhora. Apesar de o menino ainda seguir internado, o Profeta já tem passagem marcada de volta para o Brasil e deve participar do treino do Tricolor paulista nesta sexta-feira.

O técnico Cuca não pôde contar com Tchê Tchê no treino de hoje à tarde, no CT da Barra Funda. O meio campista, que disputou todas as sete partidas do São Paulo neste Campeonato Brasileiro, reclamou de dores musculares e será reavaliado amanhã pelo departamento médico do clube. O time volta a jogar neste sábado, fora de casa, contra o Avaí.

O São Paulo deve acertar nos próximos dias a rescisão do contrato de Maicosuel, que estava emprestado ao Paraná. O empresário do atleta, o ex-jogador Lê, já definiu a saída da equipe paranaense e negocia agora com os dirigentes do Tricolor paulista. O meia atacante, de 32 anos, tem vínculo com o clube do Morumbi até 31 de maio de 2020.

O São Paulo deve tirar Ricardo Oliveira da sua lista de candidatos para a camisa 9. Segundo apurou o UOL Esporte, o Atlético-MG não está disposto a nem sequer abrir negociação com o Tricolor paulista. Por outro lado, o clube do Morumbi não quer fazer loucuras neste momento para trazer um reforço e também não quer assinar um contrato de longa duração com o centroavante.

Um dos netos de Silvio Santos foi ao CT do São Paulo nesta tarde para acompanhar e bater bola com o atacante Alexandre Pato. O nome dele é Gabriel Abravanel (7), filho de Daniela, filha mais velha de Silvio com Íris Abravanel.

O São Paulo pode ter um importante desfalque na partida deste sábado, contra o Avaí, pelo Campeonato Brasileiro. Hernanes foi liberado pelo departamento de futebol do treino de hoje, no CT da Barra Funda, e viajou para a Itália para resolver questões particulares. Por isso, ele pode ficar fora do confronto, caso não consiga retornar ao Brasil até o fim da semana.

Luiz Fernando tem oscilado na atual temporada, mas o futebol demonstrado até então foi o suficiente para que o jogador despertasse o interesse de grandes clubes pelo mundo. O que mais chama atenção foi a sondagem recebida pelo Milan. Os italianos estão de olho no atleta que recuperou a titularidade recentemente.

Notícias relacionadas
Atlético-MG marca reunião com pai de Elias e tenta acelerar renovação 25/06/2019 04:00 Segundo apurou a reportagem do , o Atlético já fez um convite para Eliseu Trindade, pai e procurador do volante, com o intuito de programar uma reunião em Belo Horizonte para tratar sobre a renovação do jogador. A intenção da diretoria é de resolver o ass(...) Fonte: UOL
Afastado pelo SP, Bruno Peres dá preferência ao exterior e aguarda proposta 25/06/2019 04:00 Existe o interesse do Besiktas, da Turquia, mas o estafe de Bruno Peres ainda espera por uma proposta oficial, enquanto monitora outras duas possibilidades do exterior. O lateral chegou a despertar o interesse do Internacional em dezembro, mas a proposta (...) Fonte: UOL
São Paulo atrasa direito de imagem e gera mal-estar com jogadores 25/06/2019 04:00 Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, acesse a coluna .(...) Fonte: UOL
Comentários