Após deixar Cruzeiro, meia Rafinha acerta retorno ao Coritiba
15/05/2019 10:54 Fonte UOL

Rafinha está de volta ao . O meia, que perdeu espaço com Mano Menezes e se do , foi oficializado na manhã de hoje pelo clube que defendeu entre os anos de 2010 e 2013.

Tetracampeão estadual pelo Coritiba, Rafinha ainda participou das campanhas do vice-campeonato da e do recorde brasileiro de vitórias, quando o time alviverde chegou a ao alcançar 24 triunfos consecutivos, em 2011.

Ele iniciou sua passagem pelo Coritiba em 2010 e participou da campanha do acesso à primeira divisão logo em sua primeira temporada. No total, disputou 176 jogos e marcou 41 gols.

Agora, Rafinha volta à equipe alviverde com a missão de fazer parte do projeto que busca reconduzir o Coxa à elite do futebol nacional.

Rafinha estava desde 2016 no Cruzeiro, onde foi bicampeão da Copa do Brasil, em 2017 e 2018, e bicampeão mineiro, em 2018 e 2019.

O meia chega a Curitiba ainda esta semana para iniciar os protocolos de contratação junto aos profissionais do clube.

Notícias relacionadas
Vasco lança "vaquinha" para CT em meio a ameaça de despejo e visando 2020 22/08/2019 10:23 A intenção da diretoria é que o novo terreno, que tem 70 mil m², passe a ser utilizado já a partir de fevereiro do ano que vem, de forma parcial. Há um orçamento desenhado pelo Vasco que gira em torno de R$ 8 milhões para a construção de dois campos e uma(...) Fonte: UOL
Como Corinthians se inspira em Libertadores-2012 por sucesso em mata-mata 22/08/2019 04:00 Naquele ano, o Corinthians venceu oito jogos e empatou seis, além de ter sofrido só quatro gols ao longo do torneio, média de 0,28 por jogo. A campanha invicta é até hoje motivo de orgulho no clube e entre torcedores, além de ter consagrado a fama de cont(...) Fonte: UOL
Polícia investiga presidente do Vasco por venda de Paulinho ao Bayer 21/08/2019 23:56 A suspeita dos policiais é de que a conta utilizada pelo Vasco no Banco Paulista foi parte de uma ação para desviar o clube de credores, situação que, caso seja comprovada, pode ser enquadrada no crime de "fraude a credores".(...) Fonte: UOL
Comentários